Pubvet
5 artigos mais acessados em fevereiro 5 artigos mais acessados em fevereiro
A Pubvet elaborou uma lista com os cinco artigos mais lidos no mês de fevereiro! Agradecemos a comunidade de pesquisadores e profissionais atuantes que... 5 artigos mais acessados em fevereiro

A Pubvet elaborou uma lista com os cinco artigos mais lidos no mês de fevereiro!

Agradecemos a comunidade de pesquisadores e profissionais atuantes que fazem da nossa revista uma referência para as áreas de Medicina Veterinária e Zootecnia.

Fique à vontade e acesse os itens abaixo. Boa leitura ?

Dica: clique nas palavras-chave e confira outros artigos da Pubvet relacionados ao mesmo tema. 


Carcinoma de células escamosas em cães e gatos: Revisão de literatura

carcinoma espinocelularcarcinoma escamocelularcarcinoma epidermóidecaninosfelinos

“[…] A predisposição genética e a exposição a fatores físicos e químicos favorecem o desenvolvimento de neoplasias nos animais sendo que a pele e seus anexos são locais muito comuns de desenvolverem neoformações, principalmente em países de clima tropical, pela exposição crônica à radiação ultravioleta. O carcinoma de células escamosas é uma neoplasia de epitélio, maligno, de crescimento lento e não necessariamente metastático comum em felinos, bovinos, caninos, eqüinos, relativamente incomum em ovinos e raro em caprinos e suínos […]”.

Autores: Mayara Caroline Rosolem; Ludmila Rodrigues Moroz; Sabrina Marin Rodigheri


Leptospirose em cães

leptospirosecaninoszoonose

“A leptospirose é uma importante zoonose determinada pela infecção com a espiroqueta Leptospira interrogans (sensu lato) e pode acometer diversas espécies animais, inclusive a canina, manifestando-se nos ecossistemas silvestre, urbano e rural. […] O objetivo do presente trabalho foi realizar uma revisão de literatura enfocando principalmente a patogenia, os sinais clínicos e a patologia clínica da doença em cães, causada exclusivamente pelo serovar Icterohaemorrhagiae”.

Autores: Melissa Hanzen Pinna; Arianne Pontes Oriá; Graziele Bonadiman Cypriano; Fernanda Santana Oliveira; Daniela Santos Almeida; Ana Carla Oliveira Pinheiro; Lívia Dias Macêdo; Daniele Santos Rolemberg


Eficiência da Ozonioterapia como protocolo de tratamento alternativo das diversas enfermidades na Medicina Veterinária

método alternativoozônioozonioterapia

“O ozônio foi descoberto em 1840 por Schönbein pela observação de um odor característico proveniente desse gás. A ozonioterapia é o uso de ozônio como medicamento ativo, no tratamento das mais variadas doenças. A aplicação do uso médico do ozônio está, entre as terapias bioxidantes, como a mais promissora pelo seu baixo custo de investimento e manutenção, facilidade de aplicação e resultados clínicos. O objetivo do presente trabalho é relatar a eficiência da ozonioterapia como protocolo terapêutico alternativo nas diversas enfermidades no ambulatório veterinário”.

Autores: Andressa Izabel Assis Freitas


Teor de proteína bruta do Tifton 85 sob irrigação e adubação nitrogenada em Parnaíba, Piauí

Cynodon splâminas de irrigaçãonitrogênio

“O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes níveis de irrigação e de adubação nitrogenada sobre o teor de proteína bruta (%PB) do capim Tifton 85 (Cynodon spp). Os níveis de irrigação aplicados foram calculados em função do fracionamento da evaporação do tanque classe “A” (ECA) entre duas irrigações consecutivas: 0,2; 0,6 e 1,0. Os tratamentos de adubação foram 100, 200 e 300 kg/ha.ano de N aplicados na forma de uréia e em cobertura […]”.

Autores: Braz Henrique Nunes Rodrigues, Alex Carvalho Andrade, João Avelar Magalhães, Newton de Lucena Costa


Zoonoses parasitárias associadas ao consumo de carne de peixe cru

carne cruacontroleparasitospeixeszoonose

“Os peixes quando cultivados, assim como os pescados, estão submetidos a fatores que levam ao estresse e, como conseqüência, podem surgir doenças concomitantes, especialmente doenças parasitárias, que constituem risco à saúde pública já que alguns desses parasitas provocam zoonoses. O aumento da incidência das zoonoses parasitárias está associado ao consumo da carne de peixe cru ou insuficientemente cozido, assim como hábitos alimentares que favoreçam a ingestão desse tipo de carne, como o “sushi” e o “sashimi” da cultura oriental. As principais zoonoses parasitárias transmissíveis pelo consumo inadequado de carne de peixe são a anisaquíase, eustrongilíase, a capilaríase, a fagicolose, a clonorquíase e a difilobotríase”.

Autores: Ângela Muniz Souza de Magalhães, Barbara Salgado Costa, Guilherme Campos Tavares, Sarah Indyla Guilherme de Carvalho

 

Pubvet

Somos, há dez anos, uma editora especializada em publicações na área da Medicina Veterinária e Zootecnia. Nossa missão é estabelecer a comunicação entre o campo e a academia :)