Pubvet
5 artigos mais acessados em fevereiro 5 artigos mais acessados em fevereiro
A Pubvet elaborou uma lista com os cinco artigos mais lidos no mês de fevereiro! Aproveite para conhecer o que mais chama a atenção... 5 artigos mais acessados em fevereiro

A Pubvet elaborou uma lista com os cinco artigos mais lidos no mês de fevereiro! Aproveite para conhecer o que mais chama a atenção de nossos leitores.

Agradecemos a comunidade de pesquisadores e profissionais atuantes que fazem da nossa revista uma referência para as áreas de Medicina Veterinária e Zootecnia.


Giardíase: importância na rotina clínica veterinária

Giardia canis, cães, cistos

“A Giardíase é uma patologia rotineira na clínica médica veterinária, causada pelo protozoário Giardia spp, que atua como fonte de infecção de diversas espécies, com destaque os cães e os seres humanos, e sendo considerada uma zoonose de grande importância para a saúde pública. Cães jovens, imunossuprimidos e que frequentam lugares públicos apresentam maior incidência para a doença. A contaminação se dá pela ingestão de cistos maduros de Giardia spp, encontrados nas fezes de animais infectados, água e alimentos contaminados. A necessidade de higienização adequada do ambiente em que os cães residem, a fim de se evitar a contaminação com outros animais e entre os seres humanos, é de grande importância no controle da giardíase”.

Autores: Flavia Caroline Destro, Ana Paula Senden Ferreira, Mariana De Almeida Gomes, Roberto Cangussú, Senyor Batista Alves


Uso de triancinolona no tratamento do tecido de granulação exuberante em equinos: Relato de três casos clínicos

cicatrização, corticoide, equinos, tecido de granulação exuberante, triancinolona

“A ocorrência de feridas e traumas em equinos é algo frequente na rotina desses animais. Por terem grande reserva de energia, aliada à agilidade e o instinto de correr ou lutar, além de outros fatores, esses animais estão mais predispostos à ocorrência de feridas. O manejo de feridas em equinos é algo relativamente delicado, uma vez que complicações não são raras de ocorrer, e estas podem retardar o tratamento, assim como elevar custos e requerer maiores cuidados. Alguns pontos devem ser observados quando se trata de manejo de feridas em equinos, tais como epitelização completa sem formação de cicatrizes; menor tempo possível para tratamento; evitar recorrência ou complicações que prolonguem o tratamento, redução dos custos. O tecido de granulação exuberante é uma complicação comum que ocorre durante o manejo de feridas em equinos, podendo ser ocasionado pelo tratamento prolongado, feridas em locais de maior movimentação, infecções, dentre outros fatores. Atualmente, existem diversas formas de tratamento do tecido de granulação exuberante em equinos. Objetivou-se neste estudo relatar o sucesso do uso tópico de triancinolona em três equinos que apresentaram o quadro de tecido de granulação exuberante. Os animais apresentaram crescimento de tecido de granulação exuberante na região distal do membro torácico após trauma que gerou a lesão. Foi iniciado tratamento com aplicação de pomada à base de triancinolona de 1mg, na tentativa de reduzir o tecido de granulação exuberante e permitir a completa cicatrização da ferida e a mesma se demonstrou eficaz nos três casos tratados, uma vez que o tecido foi reduzido e houve resolução da ferida sem grandes cicatrizes ou quaisquer outros prejuízos para o animal.”

Autores: Christian Resende, Deivisson Ferreira Aguiar, Anna Marcella Neves Dias, Leonardo Toshio Oshio


Utilização de ferramentas digitais na pecuária e extensão rural

agronegócio, aplicativos móveis, gestão, produtividade

“Neste trabalho foi realizado um levantamento sobre os aplicativos móveis disponibilizados de forma gratuita e em língua portuguesa, voltados para a gestão no setor agropecuário e seu alcance. Para isto, foram realizadas pesquisas com palavras-chave nas lojas online Google Play e Apple Store, nas plataformas Android e iOS, respectivamente. O alcance foi estimado pelo número de downloads diretos para cada aplicativo móvel identificado. Foram encontrados trinta e cinco aplicativos móveis, destes, vinte e nove são pertencentes a empresas de iniciativa privada e seis oriundos de programas de esfera pública. A maioria dos aplicativos foi disponibilizada em 2017, denotando aumento da demanda no setor. Mais da metade dos aplicativos identificados são voltados para o setor de bovinocultura de corte ou leite, contudo, há indícios de uma potencial demanda para as demais categorias de aplicativos, indicada pelo alcance via downloads diretos. O comportamento observado nos dados é que aplicativos específicos tem alcance direto maior do que aplicativos genéricos de gestão. As ferramentas digitais vêm gradativamente conquistando espaço na produção animal, a internet mostra-se um excelente veículo para difundir informações técnicas geradas por pesquisadores e levá-las ao campo, atendendo à crescente demanda por informações técnicas e atuais em todos os segmentos da pecuária”.

Autores: Laya Kannan Silva Alves, Gustavo Pereira Viana, Camila Raineri


Importância dos aspectos biométricos na seleção de reprodutores bovinos: revisão

andrologia, eficiência reprodutiva, ruminantes, sêmen

“O testículo é um órgão que possui função exócrina, relacionada com a produção, armazenamento e transporte de espermatozoides, e função endócrina relacionada com a produção de hormônios andrógenos. Na busca por bons reprodutores tem sido avaliado características morfométricas testiculares como a circunferência escrotal, no entanto, somente a mesma não é suficiente para realizar uma seleção, utilizando-se assim de outros parâmetros como volume e comprimento testicular. Tendo isso em vista, o objetivo desta revisão é abordar a influência dos fatores biométricos e sua relação com a morfologia testicular e a qualidade seminal, para a avaliação de reprodutores”.

Autores: Karolayne Alves Mendonça, Jessica Rosa Figueiredo, Lorrany de Melo Santos, Maisy Cordeiro da Silva, Daniela Menezes da Cruz, Rodrigo Cruz de Freitas Lima, Marlon de Araújo Castelo Branco, Leopoldina Almeida Gomes, Isolda Márcia Rocha do Nascimento, Kalina Maria de Medeiros Gomes Simplício, Paula Regina Barros de Lima, Yndyra Nayan Teixeira Carvalho Castelo Branco


Fundamentos das perícias cível e criminal na síndrome de maus-tratos em bovinos

Bem-estar animal, bovinocultura, criminalística, corpo de delito, perícia veterinária

“Embora pouco discutida e explorada a investigação forense torna-se uma demanda inovadora e relevante na perícia em crimes de maus-tratos praticados contra bovinos. Para a constatação do crime, além do baixo grau de bem-estar também é necessário à comprovação do dolo pelo agente. Na esfera cível, a imperícia, a imprudência e a negligência são conhecidas como modalidades de culpa ou expressão da atitude delituosa e as transgressões resultantes destes fundamentos apresentam como causa elementar, faltando, às vezes, consciência do infrator. Os enfrentamentos judiciais relacionados a bovinos são raros, embora nos últimos tempos tendam aumentar e os erros profissionais referentes à assistência a saúde e a reprodução, que estão vinculadas à responsabilidade civil, são controlados pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC) e pelo Código Civil. Ademais, os médicos veterinários ainda estão sujeitos à fiscalização da sua conduta profissional de acordo com o Código de Ética do Médico Veterinário (CEMV). O presente artigo tem o objetivo discutir os princípios e fundamentos da Medicina Veterinária Legal na realização de perícias e exame de corpo de delito como requisitos necessários para elaboração de laudo pericial, em especial nos casos de maus-tratos em bovinos. Além de propor um protocolo específico para avaliação de bem-estar em bovinos como ferramenta auxiliar na elaboração de laudos periciais. Diante do exposto, o médico veterinário deve-se precaver elaborando prontuários de pacientes individual e de rebanho, tendo posturas éticas e assumindo o compromisso com o bem-estar animal.”

Autores: Jackson Barros do Amaral, Tália Missen Tremori, Ana Carolina Lopes Batista, Elaine Jaqueline Hans, Luísa de Oliveira Lisboa

Pubvet

Somos, há dez anos, uma editora especializada em publicações na área da Medicina Veterinária e Zootecnia. Nossa missão é estabelecer a comunicação entre o campo e a academia :)